Novas receitas

Sweet Life: sem glúten

Sweet Life: sem glúten


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Quando Oregon Spoon visitou a Sweet Life, nós desmaiamos quando nossos olhos contemplaram a bela variedade de sobremesas que tínhamos para escolher. Todos os dias, a padaria cria uma infinidade de guloseimas irresistíveis, e todos nós sentimos que escolher apenas uma sobremesa seria uma tarefa quase impossível.

Quando os clientes entram na loja (e quase sempre há um pouco de multidão), eles se alinham em frente aos balcões de vidro que exibem as guloseimas. Quando os clientes chegam ao último caso, é hora de decisão e eles devem declarar sua escolha a um dos funcionários novatos da padaria. Enquanto os clientes pagam no caixa, a equipe da padaria, com um talento impressionante, prepara com cuidado a sobremesa de sua escolha.

Ficamos encantados com os fofos e delicados pratos brancos, que eram regados com chocolate, açúcar de confeiteiro ou outra decoração delicada escolhida perfeitamente para cada sobremesa.

Os aficionados da confeitaria podem desfrutar de seu doce prêmio em uma mesa interna ou optar por sentar-se no pátio ensolarado.

Sem glúten? Sem problemas, Sweet Life tem dezenas de guloseimas sem glúten, de sorvete a fatias de bolo de trufas e tudo mais. Ninguém sai da Sweet Life desapontado, não importa quais sejam suas necessidades dietéticas. Aqui estão cinco guloseimas sem glúten que escolhemos e são para morrer.

1. Torta de Chocolate com Framboesa

A combinação de torta e doce torna esta torta a favorita dos clientes. Você não pode errar com esta guloseima decadente.

Foto de Judy Holtz

2. Biscoito de aveia e cranberry

Este biscoito é a combinação perfeita de crocante e mastigável. Você vai devorá-lo em minutos e pode ter que ir buscar outro.

Foto de Judy Holtz

3. Cheesecake de mirtilo

Os mirtilos adicionam uma frescura doce que ilumina este cheesecake cremoso.

Foto de Judy Holtz

4. Mini chocolates

Estes são os petiscos perfeitos para satisfazer seus desejos de chocolate, mas esteja avisado que você não será capaz de parar com um.

Foto de Judy Holtz

5. Suflê de Chocolate

Esse suflê é leve, cremoso, achocolatado e é exatamente o que você procurava. Aquecido, com um montão de chantilly ou sorvete de baunilha por cima é como eu sugiro que você peça esta guloseima deliciosa.

Foto de Ally Barclay

Localização: 755 Monroe St, Eugene, Oregon 97402

Horas de operação: Seg-Dom: 7h-23h

Veja a postagem original, Sweet Life: Gluten-Free, na Spoon University.

Confira mais coisas boas da Spoon University aqui:

  • 12 maneiras de comer manteiga de biscoito
  • Melhor Hacks do Menu Chipotle
  • Receita de sanduíche Copycat Chick-Fil-A
  • A ciência por trás dos desejos alimentares
  • Como fazer sua própria farinha de amêndoa

Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é esta! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando direto. Acho que não o machucou & # 8211; ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando direto. Acho que não o machucou & # 8211; ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando bem dentro. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é esta! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando bem dentro. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é esta! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando bem dentro. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando bem dentro. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando direto. Acho que não o machucou & # 8211; ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é esta! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando bem dentro. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando direto. Acho que não o machucou & # 8211; ele viveu até quase 99).


Ricki Heller

[Se você está procurando uma nova salada favorita, é isso! Uma ótima nova maneira de usar brócolis que todos podem adorar. Esta salada de colher de brócolis é vegan, sem açúcar, sem glúten, sem grãos, sem leite, sem ovo, sem soja, sem nozes, sem fermento e com baixo índice glicêmico. Adequado para o Estágio 2 e além em uma dieta anti-candida .]

Acho que todos podemos concordar que 2020 foi um fracasso quando se tratava de comer (a maioria das pessoas comia mais, ganhava peso e se exercitava menos), mas a partir de 2019, pelo menos, o brócolis ainda era o vegetal favorito da América. Só um palpite, mas suspeito que o mesmo vale para o Canadá também.

Você também consideraria o brócolis o favorito?

Quando eu era criança, o brócolis (geralmente congelado) era um dos poucos alimentos verdes que comíamos em nossa casa. Os outros eram alface americana, pepino e pimentão verde. (Eu não estou contando o queijo mofado que meu pai comeu de qualquer maneira, cortando os pedaços mofados e cavando na hora. Eu acho que não o machucou & # 8211 ele viveu até quase 99).


Assista o vídeo: Crepe de Chocolate com Brigadeiro Branco. Sweet Life (Dezembro 2022).